terça-feira, 12 de janeiro de 2010

PNDH-3 é 10

Aposto que ninguém leu as 228 páginas do PNDH-3. Trata-se de um decreto petista no poder, no sentido "genoíno" da palavra. Se eu não conhecesse, por exemplo, a Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, talvez pensasse diferente.

A mídia alardeia. A opinião pública (invencionice da mídia que alardeia) "relaxa e goza". Os setores mais retrógrados e tacanhas da sociedade brasileira: de farda e botina, batina, F-250 a diesel na fazenda ou dinheiro no CDB-DI, em pastas, bolsas, bolsos, meias e cuecas, por exemplo, acham tudo "ideológico".

Afinal, alguém tem que impedir a eleição da Dilma...

Viúvas e bastardos

Que me perdoem viúvas e bastardos, mas as "viúvas" e os "bastardos" da Ditadura Militar (1964-85), que têm medo de qualquer revisão da Lei de Anistia, de 1979, acabam de ser surpreendidos com um golpe de mestre do presidente Lula, o maior estadista brasileiro de todos os tempos.

Depois da CUT, agora eu quero a VPR na Presidência da República. Dilma é 13!

O PNDH-3 é 10!

Paz, terra e pão!

3 comentários:

Anônimo disse...

seria melhor ainda se cada cidadão se comprometesse com as questões lá colocadas, em vez de esperar que o governo resolva suas vidas... cansada de gente apática. hehehe.
tá ótimo o blog grossi. estava precisando ler coisas, por isso te procurei. =P

esashika

Liana disse...

onde e como nasce o autoritarismo ninguém vê... (eu li essa josta inteira, eca).

Marcelo Grossi disse...

Eu só li o que se referia à temática de gênero.

Concordo com o PNDH-3.